Primeira noite de Carnaval no Rio é marcada por interdições e aglomerações na cidade

Primeira noite de Carnaval no Rio é marcada por interdições e aglomerações na cidade

A primeira noite de Carnaval no Rio de Janeiro foi marcado por aglomeração, festas clandestinas e eventos interrompidos pela prefeitura. Na última sexta-feira (12), o que se via em vários pontos da cidade era bares lotados e eventos que desrespeitavam os protocolos de segurança, como distanciamento social, para conter a Covid-19. 

A prefeitura do Rio proibiu desfiles de escolas de samba, blocos e qualquer atividade recreativa em áreas públicas e quiosques da orla durante o Carnaval. Pelo decreto publicado, os locais que desrespeitarem as normas serão interditados e multados. A determinação vale até às 6h do dia 22 de fevereiro. 


Mas o que se viu por toda a cidade foram pontos de aglomerações. Desde comunidades do Rio de Janeiro, como por exemplo, o show do cantor Belo na Maré, Zona Norte do Rio. Até em bares em bairros tradicionais como Lapa e Leblon. Os bares podem ficar abertos, mas sem pista de dança. 

Author’s Posts