Rio apresenta pacto para a Saúde e Economia estadual

Rio apresenta pacto para a Saúde e Economia estadual
Lucas Tristão foi quem apresentou documento do pacto

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais, Lucas Tristão. Apresentou durante coletiva na Quarta-feira, dia 20, o Pacto Social pela Saúde e Economia do Estado do Rio de Janeiro. O anúncio foi feito no Palácio Guanabara.

De acordo com o documento, são estabelecidos critérios específicos para orientação dos cidadãos. Que tratam das condições que são necessárias para que a atividade econômica seja retomada no estado.

Assim, o documento estipula que as atividades somente voltarão a depender da evolução da pandemia e da oferta hospitalar. Então, será adotado um sistema de sinalização com cores. Bandeiras vermelha, amarela e verde vão ser usadas para comunicar as orientações para reabertura dos serviços. E também da liberação para circulação das pessoas.

“Após muitos debates definimos esse plano. Precisamos dar alguma margem de previsibilidade ao mercado em geral, para os empreendedores individuais, indústrias e empresas. Resultados positivos nos indicadores mostram a oportunidade de flexibilização, assim como resultados negativos anunciam a necessidade do retorno ou das novas restrições”, afirmou Lucas Tristão.

Bandeiras
  • Vermelha: ocupação de leitos de UTI superior a 90% – indica necessidade de quarentena.
  • Amarela: taxa de ocupação de leitos de UTI entre 70% a 90% – indica flexibilização.
  • Verde: situação de normalização – apenas com taxa de ocupação dos leitos de UTI inferior a 70% e evolução negativa de novos casos.

Atualmente o estado do Rio se encontra em bandeira vermelha. Portanto, devem ser seguidas as orientações já determinadas pelo poder público. De distanciamento social e funcionamento apenas de comércio essencial.

Contudo, com a bandeira amarela poderá haver maior flexibilização das medidas restritivas. Com a liberação de serviços como Shoppings e academias, por exemplo. também a ampliação do funcionamento dos restaurantes para 50%. E funcionamento de transporte público intermunicipal sem restrições.

Já em bandeira verde, todas as medidas restritivas ficam suspensas. Portanto, locais turísticos, e de lazer podem ser frequentados. E todos os serviços são restabelecidos. Mantendo protocolos de segurança e higiene.

Foto: reprodução

Author’s Posts